domingo, 23 de dezembro de 2012

Em Uberaba, Empresas apresentam ônibus do sistema BRT de transporte coletivo

22/12/2012 - JM Online

Ônibus que vão operar no sistema BRT nas linhas Leste-Oeste foram apresentados ontem pelas empresas concessionárias do transporte coletivo urbano ao prefeito Anderson Adauto. Apesar da aparência semelhante aos veículos que já circulam na cidade, as portas de acesso são mais altas, niveladas à altura dos terminais. Por outro lado, as obras para construção dos terminais não ficarão prontas nesta administração.


Foram entregues esta semana 14 veículos para as duas empresas do transporte que atuam na cidade. Os ônibus são chamados de metrorizados, por terem rampas na altura das estações de embarque, cujas portas são controladas e só abrem com sinal de sensor e controle de câmera. O prefeito Anderson Adauto destacou que esse modelo de ônibus, nos mesmos padrões do metrô, facilita a vida dos passageiros oferecendo mais conforto.

Mais Notícias de Uberaba
Siga o Blog Meu Transporte pelo Facebook

"Um ônibus parecido com um vagão de metrô, não tem escada, no intuito de trazer facilidades e conforto para o passageiro. São viagens curtas, em que a cada dois minutos e meio tem ônibus passando por qualquer subestação ao longo da av. Leopoldino, fazendo o traçado do terminal Leste e Oeste", explica Anderson, ressaltando que o veículo diferenciado não exige uma massa asfáltica especializada, portanto, não serão necessárias mudanças nesse sentido.

Vale ressaltar que com o novo sistema terão apenas 14 ônibus circulando pela Leopoldino, além dos automóveis particulares. O que irá proporcionar fluidez ao trânsito. "E ainda, nos sistema que idealizamos, quando o ônibus passa, os semáforos são abertos, ou seja o sistema de trânsito é comandado pelo transporte coletivo", explica Anderson, enfatizando que os ônibus dos bairros não passarão mais pelo centro.

Quanto às obras para construção dos terminais, Anderson explicou que o atraso foi por conta da chuva, mudanças no projeto e demandas judiciais dos terrenos. Mas garante que os recursos estão sendo deixados em caixa para a conclusão do terminal Oeste (R$4 milhões), próximo ao estádio Uberabão, e o terminal Leste (R$ 4,2 milhões), no bairro Manoel Mendes, está acertado com a Petrobras e a Vale.

Informações: JM Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário