quarta-feira, 7 de setembro de 2011

Confins renova sua frota de ônibus
TER, 06 DE SETEMBRO DE 2011 11:31 ESCRITO POR REDAÇÃO WEBTRANSPO / FOTO: DIVULGAÇÃO 0 COMENTÁRIOS

Novas unidades chegaram entre julho e agosto

Novos ônibus oferecem comodidades como wi-fi.
O Governo de Minas Gerais está substituindo a frota de ônibus executivos e convencionais que prestam serviços no Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Nos últimos dois meses aconteceram a troca de 16 veículos, sendo que até o fim do ano todos veículos deverão ser renovados.

Nas linhas executivas, dez veículos foram trocados e 36 novas viagens foram acrescentadas, fazendo com que o intervalo entre as viagens ficasse entre 15 e 20 minutos. Este serviço faz a conexão entre Confins e o Terminal Conexão Aeroporto, na avenida Álvares Cabral, 5240 (via Antônio Carlos) e 5260 (via Cristiano Machad). Por mês, os ônibus executivos transportam 63 mil pessoas, oferecendo 4.700 lugares aos sábados, 5.400 aos domingos e 6.256 em dias úteis. A tarifa cobrada é de R$ 18,00.

A frota de ônibus convencionais recebeu seis novos veículos, além de uma previsão do aumento do número de viagens nos dias úteis para 80, assim alcançando 3.680 lugares ofertados diariamente. Com a passagem custando R$ 8,15, a linha atende 75 mil pessoas por mês no trajeto Aeroporto de Confins – Rodoviária, 5250 (via Antônio Carlos) e 5270 (via Cristiano Machado).

Carlos Melles, secretário de Estado de Transportes e Obras Públicas, ressaltou que as novas aquisições darão mais comodidade ao usuário. “Com os novos veículos, de última geração, adaptados para operar com serviço gratuito de internet sem fio (wireless), os passageiros com destino ao Aeroporto Internacional Tancredo Neves, poderão desfrutar de um transporte mais eficiente e confortável”, explicou.

Além dos serviços de ônibus, os passageiros do terminal mineiro também contam com 230 táxis metropolitanos, que operam entre Confins e Belo Horizonte, com tarifas fixas diferenciadas por região ou taxímetro. Os veículos são credenciados pela Setop (Secretaria de Estado de Transportes e Obras Públicas) e podem operar entre os munícipios da região metropolitana da capital mineira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário